Index Labels

A.R.C.A. com grandes resultados no “Dance World Cup Portugal”

. . Sem comentários:
Na semifinal Portuguesa da “Dance World Cup”, que decorreu entre os dias 25 e 28 de fevereiro na Figueira Foz, a ARCA DANCE STUDIO apresentou a concurso nove coreografias, tendo qualificado cinco para a competição final mundial, que se realiza na cidade alemã de Offenburg, entre os dias 23 de junho e 1 de julho.

Em seniores, a ARCA DANCE STUDIO obteve o 1º lugar em grupo hip hop e street dance, o 2º em grupo jazz e show dance e o 3º em quarteto moderno. Em infantis, a ARCA DANCE STUDIO conseguiu o 2º posto em dueto/trio hip hop e street dance, o 3º lugar em grupo hip hop e street dance e o 3º posto em dueto/trio jazz e show.

O “Dance World Cup Portugal” (DWC Portugal) é a semifinal de uma competição mundial (“Dance World Cup”), em que os bailarinos selecionados representarão a dança ao mais alto nível, serão embaixadores de todos os profissionais e estudantes do nosso país, e terão a oportunidade de dançar sob o olhar de todo o mundo.

Além da grande oportunidade de participar na final mundial do DWC, os bailarinos participantes habilitam-se a prémios e bolsas de estudo, que lhes abrirão portas à concretização de alguns dos seus sonhos.

Os bailarinos barcelenses foram avaliados por um júri internacional constituído por: Paddy Hurlings, professora e representante da British and International Federation of Festivals and all England Dance; Luca Tozzi, bailarino, coreógrafo e professor convidado em várias companhias de ballet da Alemanha, Itália, Eslovénia, França e Suécia; Gustavo Oliveira, Bailarino e Coreógrafo, professor convidado do Conservatório Nacional de Lisboa e da Escola Superior de Dança, classificado pela Dance Europe nos 100 melhores bailarinos da época 2010-2011; Juan Enrique Jiménez, professor de ballet e bailarino em várias escolas internacionais; Bruno Milo, reputado bailarino italiano dos anos 80 que integrou várias companhias de dança italianas e, atualmente, é professor convidado em várias escolas internacionais; Adiarys Almeida, primeira solista do Boston Ballet, que nasceu e teve grande parte da sua formação em Cuba. Tem várias participações em companhias internacionais nos E.U.A e América do Sul; Nicolette Whitley, bailarina com diversas participações em teatro, TV e cinema. Recentemente, trabalha na Fallen Angels Dance Theatre; Célia Hernández, bailarina e coreógrafa com várias participações em Espanha e China; e Maria Luisa Carles, uma das maiores referências nacionais da dança contemporânea.

O “Dance World Cup” tem mais de 15.000 jovens em todo o mundo, com idades compreendidas entre os 4 e 25 anos, a trabalhar para a qualificação na final, que é realizada anualmente em diferentes cidades. O “Dance World Cup” já passou por Jersey, Sardenha, França, Paris, Áustria, Villach e Algarve.

A final deste ano realiza-se na Alemanha, na cidade de Offenburg, onde são esperados representantes de cerca de 47 países.

A ARCA DANCE STUDIO é uma escola de dança que nasce a nível associativo, num projeto que pretender tornar a dança acessível a todas as classes sociais e, depois de quase uma década de trabalho e com os parcos recursos de que dispõe, está ao nível das melhores escolas de dança portuguesas.

Fonte

Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE