Index Labels

Centenas de alunos e professores para dez horas de música e dança

. . Sem comentários:
Três centenas de alunos e professores do Orfeão de Leiria vão levar dez horas de música e dança ao Castelo de Leiria, nos dias 27 e 28 de junho.

A iniciativa, intitulada "Música no Castelo", assinala o fim do ano letivo e propõe à cidade e aos visitantes atuações em diversos espaços do monumento.

"Será um fim de semana diferente, de alguma magia e encanto, no Castelo de Leiria. Queremos que seja uma festa marcante, para fechar o ano letivo e envolver a comunidade: por mais um euro, quem visitar o Castelo, vai encontrar uma festa", explicou hoje o presidente do Orfeão de Leiria, Acácio de Sousa.

Dos mais jovens alunos até aos elementos do Conservatório Sénior, todos os intérpretes do Orfeão de Leiria vão atuar no "Música no Castelo".

A música e dança vão chegar das escadarias à Torre de Menagem e também a dois palcos principais, instalados à entrada e nos Paços Novos.

Em foco vão estar os diversos grupos do conservatório de artes: os maiores, como a Big Band, a Orquestra de Sopros, a Orquestra de Flautas e a Orquestra de Cortas Luís de Freitas Branco, até aos mais pequenos, como o Trio Clássico, o Quarteto de Flautas ou o Quarteto de Guitarras.

Também a escola de dança vai levar ao Castelo diversas coreografias, especialmente preparadas para o ambiente medieval.

"É a primeira vez que vamos ter um projeto que dura dez horas. Vai dar para mostrar muita coisa do que fazemos, mas também haverá surpresas", promete a diretora da Escola de Música do Orfeão de Leiria.

Sónia Leitão sublinha que nesta produção serão utilizados "todos os cantos e recantos do Castelo", explorando as potencialidades do monumento.

Na abertura do Música no Castelo será estreada uma obra inédita, pelo Ensemble de Metais. Nela, os músicos vão tocar em pontos altos e estratégicos do monumento, permitindo que o som seja "derramado" sobre a cidade, ouvindo-se em Leiria e chamando a população.

O vereador da Cultura da Câmara de Leiria, Gonçalo Lopes, destaca as potencialidades do evento, que pode atrair "mais de 2.000 pessoas".

"É o arranque da grande temporada cultural no Castelo. Junta uma instituição máxima em termos culturais com o principal emblema turístico do concelho", sublinha.

Fonte



Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE