Index Labels

À Conversa com...Nuno Moreira "Primeiro Português no Burn The Floor"

. . 3 comentários:
Nuno Moreira é um jovem de 24 anos conhecido por cá como um dos Gémeos Moreira, nome também da escola de dança que tem com o seu irmão gémeo.

Natural do Porto, Nuno deixa agora Portugal, temporariamente, para abraçar um grande desafio profissional, a integração no melhor espetáculo de dança de salão do mundo, o "Burn the Floor".

Com que idade e como foi que foste parar à dança?
Tinha cerca de 8 anos de idade. Os meus pais começaram na dança social. Numa primeira fase não quis entrar porque dizia que a dança era para "meninas" (risos), entretanto fui ver um espetáculo de dança onde vi alguns profissionais em atuação e adorei. Decidi então entrar neste mundo da dança de salão.

E quando é que percebeste que era esta a profissão que querias?
Percebi logo à partida. Desde o princípio que tudo aconteceu muito rápido: competições, espetáculos, bons resultados...
Vivi sempre a dança de forma muito intensa e sempre treinei muito. Sempre lutei muito pelo que sou hoje, foi dessa forma que a vida me ensinou a viver. A dança sempre foi uma das minhas paixões desde bem cedo.

Qual foi até agora o maior desafio profissional com que te deparaste?
Foi quando decidi mudar-me para a Dinamarca para o melhor clube de dança do mundo "aarhus dans club". E agora no novo projeto que estou inserido aqui na Austrália e mais tarde no Japão.

Integrar um espetáculo como o "Burn the Floor" é motivo de orgulho ou inquietação?
Muito orgulho e alguma inquietação.
O facto de ser titulado como o melhor espetáculo de dança de salão e escolherem apenas os melhores dançarinos do mundo, faz com que a pressão e os objetivos sejam maiores.
Sei que é o espetáculo com mais visualização de sempre e que é o sonho de qualquer dançarino. Nas audições estiveram milhares de dançarinos e ser um dos escolhidos sem ter sido submetido a um casting é motivo de orgulho.

Como surgiu esta oportunidade?
O "Burn The Floor" faz casting todos os anos. Este ano o casting para a "world tour" (que é a tour em que eu estou a fazer parte) foi em Londres e depois em Nova Iorque. O meu ex par, Mette Elkjaer, foi ao casting em Londres, onde passou. Assim que os diretores da empresa viram os vídeos da Mette a dançar comigo disseram-lhe logo que me queriam para os seus espetáculos.
Quando fui contatado fiquei na dúvida se havia de ir. As coisas em Portugal estão a correr muito bem para mim e para o meu irmão gémeo, tanto na moda como na nossa escola de dança, Escola de dança Gémeos Moreira. A companhia queria fazer contrato de 5 anos conosco. Logo à partida neguei e disse que seria impossível. Assinei contrato por apenas dois meses, na melhor tour do espetáculo "World Tour" que se vai passar na Austrália e depois seguimos para o Japão. Sinto-me muito feliz pela oportunidade que estou a ter e também por ser o primeiro português de sempre a dançar neste espetáculo.

O que foi mais difícil de deixar para trás?
Sem dúvida o meu irmão e o meu trabalho (moda e dança). Vão ser dois meses onde vou sentir falta dos meus amigos, família e alunos também.

O que esperas nesta nova fase?
Espero uma boa experiência. Não são todos os dias em que se dança para cerca de 5000/7500 pessoas por dia. Estar no outro lado do mundo com um contrato fantástico e a fazer-se o que mais se gosta, juntamente com estes bons dançarinos, é uma oportunidade única.


Texto de Rita Bastos | eDANCE
Fotografias cedidas por Nuno Moreira


3 comentários:

  1. Muito Orgulho Nuno. Vocês merecem, são excelentes profissionais e seres Humanos Lindos. beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  2. É um grande orgulho ter um PORTUGUÊS a representar o nosso pais com tanta destinado. É com grande satisfação que tenho o prazer de ser vosso aluno e privar do convívio com pessoas tão fantásticas. Abraço

    ResponderEliminar
  3. Parabéns Nuno! Mereces tudo isso e muito mais... beijinho e continuação de muito sucesso muahhhhhh

    ResponderEliminar

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE