Index Labels

Bailarina Russa dança algemada como forma de protesto

. . Sem comentários:
Uma bailarina russa dançou num parque de Moscovo, a uma temperatura de 20 graus negativos e vestindo apenas um tutu branco, com os braços algemados em protesto contra o governo russo.

A ação foi realizada nas vésperas da entrega ao Kremlin pela Amnistia Internacional de uma petição contra as leis «liberticidas» russas.

«È a imagem de uma Rússia comovida mas privada de liberdade», escreve hoje o jornal da oposição Novaia Gazeta, onde trabalhava a jornalista assassinada Anna Politkovskaia.

A bailarina, Aleksandra Portiannikova, dançou um excerto do Lago dos Cisnes nos jardins de uma praça perto da sede administrativa presidencial. Enquanto dançava na neve, alguns militantes erguiam cartazes com citações destinadas ao presidente Vladimir Putin, como por exemplo: «Uma das prioridades do Estado e da sociedade deve ser o apoio do movimento para a defesa dos direitos humanos.»

«É uma ação contra as leis que se aprovam no nosso país e comprometem os direitos humanos», explicou a bailarina, lembrando em particular as normas que limitam o direito de expressão, proibindo a propaganda homossexual entre menores e obrigando as ONGS com fundos estrangeiros a registarem-se como «agentes estrangeiros».

A Amnistia Internacional conseguiu recolher mais de 300 mil assinaturas em todo o mundo. Só na Holanda foram 100 mil, para abolir as «leis liberticidas».

Fonte

Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE