Index Labels

Wim Vandekeybus leva espetáculo histórico ao Maria Matos

. . Sem comentários:
Para assinalar os 25 anos de existência da companhia Ultima Vez, o coreógrafo está a realizar uma digressão mundial que passa por Portugal, apresentando o espetáculo histórico "What the body does not remember", com o qual estreou a sua companhia, mas agora com um novo elenco, que subirá ao palco  do Teatro Maria Matos em Lisboa, hoje e amanhã.

Considerado um clássico da dança contemporânea, "What the body does not remember" tem música original de Thierry de Mey e Peter Vermeersch, e coreografia, direção e cenografia de Wim Vandekeybus.

A coreografia aborda a atração e a repulsa, resultando por vezes em confrontos entre dois bailarinos, depois entre dois grupos e entre bailarinos e a música da peça, com explosões de agressão, medo e perigo.

Nesta peça de dança, Wim Vandekeybus quis explorar "a intensidade dos momentos em que não se tem escolha - quando algo toma decisões por nós, como apaixonarmo-nos, ou o segundo antes do acidente que vai acontecer".

"Talvez depois de tudo dito e feito o corpo também não se lembre, e tudo não passe de uma subtil ilusão de carência que ajuda a definir ou a esgotar o jogo", escreve o coreógrafo num texto sobre a peça.

Além de coreógrafo, Wim Vandekeybus é também realizador e ator, e tem colaborado com artistas como David Byrne, Marc Ribot, David Eugene Edwards, Mauro Pawlowski e Elko Blijweert.

Em 2011, o seu filme "Monkey Sandwich" foi selecionado para o Festival Internacional de Cinema de Veneza na secção Horizontes.

Na sexta-feira e no sábado vão estar em palco os bailarinos Ricardo Ambrozio, Damien Chapelle, Tanja Marín Friojonsondóttir, Zebastian Méndez Marin, Aymara Parola, Maria Kolegova, Livia Balazova, Eddie Oroyan, e Pavel Masek.

Fonte

Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE