Index Labels

O Andanças após Mudanças

. . Sem comentários:
Decorreu entre os dias 18 e 25 de agosto, a 18ª edição do festival Andanças. O festival que tinha como casa Carvalhais, uma pequena localidade próxima de S. Pedro do Sul, ocupou este ano um novo espaço junto à barragem de Póvoa e Meadas em Castelo de Vide, um espaço maior e que ganha pela proximidade da água e pela paisagem magnífica que o rodeia.

Da programação destacou-se a diversidade de oficinas, havendo sempre opções para todos os gostos. Nas oficinas de dança, para além das já habituais danças tradicionais europeias, as danças africanas e latinas encheram os palcos, mas a fusão de estilos como salsa scottish foi uma novidade e uma aposta ganha.

Os bailes noturnos foram também muito concorridos com nomes já conhecidos das edições anteriores responsáveis pela animação como o grupo D'nos Manera, Fling String ou Mosca Tosca. Nação Vira Lata e Cabra Çega, entre outros, levaram o público ao rubro no início da noite.

Uma das grandes novidades, foi a organização de passeios pela região de Castelo de Vide, permitindo aos participantes conhecer a zona envolvente do festival e a cultura local.

As crianças não foram esquecidas com uma enorme variedade de atividades, entre oficinas de dança, oficinas criativas, teatro, espetáculos, o clássico baile das crianças e, claro, o contador de histórias que tanto agrada os mais novos.

As opiniões dos participantes dividem-se relativamente ao local "Eu estou a adorar, até vou ficar mais uns dias depois do festival" afirma Rosana enquanto se prepara para a oficina criativa que vai ministrar. Já Susana refere que "Ao fim de tantos anos de Andanças, este ano foi sem dúvida o mais decepcionante...". A escassez de wc's e a falta de lavatórios nas proximidades foi um ponto apontado por vários participantes, também as poucas sombras existentes no recinto do campismo, o piso acidentado e os fracos acessos ao local foram mencionados, mas nada impediu estes dançarinos de viverem o Andanças e aproveitarem o melhor do festival.

Já à saída encontramos Mariana que comentou "Apesar de todas as dificuldades, o Andanças é a melhor semana do ano", e é este o espírito partilhado por todos.

Todos tencionam voltar no próximo ano, e nós também!

Texto e fotografia de Rita Bastos | eDANCE


Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE