Index Labels

Paula Pinto, bailarina e diretora criativa

. . Sem comentários:

Paula Pinto vive em Oeiras há oito anos. A bailarina nasceu em São Tomé e Príncipe, mudou-se para a Guiné Bissau, e já em Portugal viveu em Sintra e em Lisboa. 

Enquanto membro do elenco do extinto Ballet Gulbenkian, durante duas décadas, teve a oportunidade de viajar em várias digressões, dentro e fora do país, e viveu por curtos períodos em Antuérpia, na Bélgica; Frankfurt, na Alemanha; e em Nova Iorque, nos Estados Unidos. 

Depois de ter visto tanto mundo, Paula Pinto escolheu Oeiras para viver, concelho que, segundo as suas próprias palavras, oferece a possibilidade de estar perto de tudo: “Oeiras está próximo de Lisboa, Cascais e Sintra. Valorizo essa liberdade de me poder deslocar rapidamente em qualquer direção.” Por outro lado, Oeiras permite o contacto com o mar e com espaços verdes e é toda esta conjugação de fatores que leva Paula Pinto a afirmar que aqui se respira qualidade de vida. “Quando volto para casa sinto-me como se estivesse a ir de férias!”
É neste ambiente favorável que a artista desenvolve os seus projetos profissionais: a Compota, que agrupa artistas nas áreas da dança, música e multimédia em sessões de composição improvisada; e a sentidosilimitadosque se dedica à criação e à programação de projetos e iniciativas multidisciplinares de estímulo à criatividade e ao desenvolvimento pessoal, para artistas e não artistas, de todas as faixas etárias. 

A sentidosilimitados não tem espaço físico próprio mas estabelece diversas parcerias com agentes culturais do concelho, como por exemplo com o Centro de Dança de Oeiras, para o desenvolvimento de algumas atividades pontuais: as Festas infantis Eu sou, as Oficinas de Criação, ensaios para espetáculos ou as aulas de movimento orgânico.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Queres publicar as tuas notícias no IDS? Tens alguma sugestão para nós? Envia para indancingshoes@edance.pt

Publicidade

Contribui para o IDS

Andam a dançar por aqui

SEGUE O IDS

PUBLICIDADE